Transformar a cidade

Arquitetura da Gentrificação expõe as desigualdades da cidade

Do VilaMundo

Você pode não saber o que é gentrificação, mas certamente convive com ela. Esse é o nome dado ao processo que expulsa os pobres de determinadas regiões da cidade por uma série de medidas socioeconômicas e urbanísticas, como a valorização dos imóveis e encarecimento dos custos.

Com o objetivo de realizar uma investigação detalhada sobre as ações nas últimas administrações municipais da cidade, a Repórter Brasil apresenta o projeto Arquitetura da Gentrificação, uma proposta de investigação, organizada pela jornalista Sabrina Duran, que mapeia esse processo em São Paulo e suas formas de resistência. O projeto foi financiado de forma colaborativa pelo Catarse.

Os principais efeitos da gentrificação são: o trânsito cada vez mais congestionado, já que a concentração de imóveis em determinadas regiões e a expulsão para a periferia exige maiores deslocamentos; vida mais cara, pois os custos básicos como aluguel e serviços aumentam; e fechamento do comércio porque a especulação imobiliária impossibilita a sobrevivência dos pequenos comerciantes.