Transformar a cidade

Encontro discute o impacto das ocupações escolares na educação brasileira

Um encontro aberto vai discutir, na próxima terça-feira (29/11), o que as ocupações de escolas e universidades em todo o Brasil dizem para a Educação.

No início de novembro, cerca de 19 estados do país tinham instituições de ensino públicas ocupadas por estudantes contrários à limitação de gastos públicos com educação e também contra a reforma do ensino médio. Com esse cenário em vista, os núcleos de Juventude, de Educação Integral e de Representação Política do Cenpec (Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária) vão promover este diálogo, que acontece das 9h às 13h, na sede da organização (rua Minas Gerais, 228 – Higienópolis – São Paulo/SP).

Além de jovens que participam das ocupações em São Paulo, o encontro contará com a presença do Grupo Contrafilé, coletivo transdisciplinar que investiga as relações estabelecidas entre arte, política e educação e como elas ampliam o direito à produção criativa da cidade, e de Oswaldo Gonçalves Júnior, coordenador do Laboratório de Estudos do Setor Público (LESP – Unicamp) e consultor para a elaboração das diretrizes de cidade educadora em Sobral (CE). O debate será mediado por Julio Neres, técnico do Cenpec.

As inscrições estão abertas e as vagas são limitadas.

(A foto que abre esta nota é de Tânia Rêgo/Agência Brasil Fotografias)