Transformar a cidade

Paulista aberta tem aula gratuita sobre Direito à Cidade

Quantas São Paulos diferentes existem? Quais leituras e usos os cidadãos, em sua diversidade, fazem da mesma cidade? É para responder a essas perguntas que o Instituto Pólis, em parceria com o Museu de Arte de São Paulo (MASP), realiza no próximo domingo, dia 9 de abril, a aula pública “A Cidade de Todas as Cores”.

Por meio de atividades interativas, a iniciativa pretende realizar uma reflexão sobre como o Direito à Cidade é efetivado ou negado para as pessoas de diferentes identidades de gênero, raça, orientação sexual e classe social.

Participantes poderão visitar gratuitamente as exposições Avenida Paulista e Agostinho Batista de Freitas, no MASP.

Desenho de osgemeos.

Tons de cinza

Lançado no início da gestão de João Dória, o Programa Cidade Linda tem levantado discussões sobre como a diversidade e a multiculturalidade de quem vive em São Paulo deve ter lugar de expressão nas ruas e muros da capital. Em busca de uma cidade “aprazível” aos olhos, o prefeito tem sido acusado de suprimir do espaço urbano os elementos que não são considerados belos.