Criar na cidade

UMAPAZ realiza Dia da Mobilidade Urbana a Pé

O que significa caminhar hoje pela cidade de São Paulo? O que é uma cidade caminhável? Quantas sensações somos capazes de sentir ao caminharmos? Para responder a essas perguntas, a UMAPAZ, por meio do Programa Carta da Terra em Ação, realiza no dia 19 de maio, das 9h às 17h, o Dia da Mobilidade a pé, uma iniciativa que tem como objetivo fortalecer uma rede de cidadãos comprometidos com uma Cidade Sustentável e Educadora.

O dia integra as ações do Maio Amarelo – uma ação global que busca chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortos e feridos no trânsito em todo o mundo - e propõe reflexões acerca de como é possível vivenciar o espaço urbano por meio da caminhada. Realizado com apoio da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania e Associação Cidade Escola Aprendiz, o evento prevê rodas de conversa e práticas integradoras. Conheça a programação completa e clique aqui para realizar a inscrição:

AUDITÓRIO 1

9h às 9h30 Abertura (Mobilidade a pé na Cidade Educadora -  Raiana Ribeiro)
9h30 as 13h:  Roda de Conversa
Público (capacidade máxima): 120 pessoas.

Convidados:
Maria Ermelina Malatesta (Doutora em mobilidade, Engenheira de tráfego, esteve 30 anos na CET. Hoje se dedica aos movimentos em prol da mobilidade a pé em São Paulo)
Rafael Calábria (Geógrafo do IDEC, representante do movimento CIDADEAPE)
Rafael Drummond (Núcleo de Estudos APE)
Shirley Neves (Caminhada nas Quebradas)

AUDITÓRIO 2

14h as 14h20 Prática Integrativa: ampliando percepções e sentidos (Adriano Galhardo)

14h20 as 17h Prática de Trilhas Educativas : Potenciais educativos do caminhar na cidade

Serão vivenciadas, confirme escolhe prévia, três possibilidades de trilhas educativas, seguida de uma roda de compartilhamento de experiências.

Maio Amarelo – Dia da Mobilidade a pé
Quando: 19/05 das 9h às 17h
Onde: UMAPAZ
Endereço: 
Avenida IV Centenário, 1268 – Parque Ibirapuera, São Paulo – SP
Público: 120 pessoas
Facilitação: Ana Marília Souza, Hellen Almeida, Flávia Damaceno e Marcela Garcia (Estagiárias UMAPAZ); Lia Salomão e Débora Pontalti (Programa Carta da Terra em Ação – UMAPAZ); Marieta Colucci Ribeiro (Apē – estudos em mobilidade).