movimentos sociais

Encontro discute o impacto das ocupações escolares na educação brasileira

Um encontro aberto vai discutir, na próxima terça-feira (29/11), o que as ocupações de escolas e universidades em todo o Brasil dizem para a Educação.

Encontro debate pedagogia das periferias de São Paulo

Evento reunirá movimentos sociais, professores e estudantes na zona sul de São Paulo para debater a educação que temos e a que queremos nas periferias.

Professores defendem ocupações de escola: “Estão comprometidos com a educação pública”

“É um momento de aprendizado diferente, um outro currículo, é a cidadania viva nessas ocupações”, diz professor do Paraná ocupações de escola.

Curso gratuito na USP ensina a fazer mapeamento comunitário

Idealizado por estudantes que querem “romper muros da academia”, curso ensina a realizar cartografia social e mapeamento de seus territórios.

Jogos da Exclusão mostra outro legado olímpico para o Rio de Janeiro

Jornada de Lutas Contra Rio 2016 contará com extensa programação de debates, oficinas, rodas de conversa, intervenções artísticas e atos na capital carioca.

“Nós A Cidade” mostra como colaborativismo, mulheres e imigrantes transformam São Paulo

Organizado pelo movimento Cidades Lúdicas, ciclo de debates e cultura irá abordar processos sociais que ajudam a transformar a realidade de São Paulo.

Em São Paulo, nova onda de ocupações de escola ataca questão das merendas

Além do Centro Paula Souza, Já são sete ETECs e uma escola estadual ocupadas; estudantes denunciam “máfia das merendas” e “reorganização silenciosa”.

Voltado para educadores, curso traz introdução aos estudos africanos e afro-brasileiros

Com inscrições abertas até 14/5, curso “Introdução aos Estudos Africanos e Afro-Brasileiros” traz história e histórias de cultura e resistência negra.

Com inscrições abertas, Fórum Social discutirá a migração no Brasil e no mundo

Evento sobre migração e refúgio acontece em julho, em São Paulo, e está com inscrições abertas até o dia 30/4.

Moradores e movimentos periféricos lançam manifesto contrário ao golpe

O manifesto aponta que a democracia será efetiva “apenas com a ampliação de direitos e conquistas do povo preto, a partir da esquerda e de baixo pra cima