movimentos sociais

Estudantes goianos prometem passar natal, ano novo “e até carnaval” em escolas ocupadas

Estudantes das 23 escolas ocupadas participaram de ato em Goiânia nesta terça-feira contra militarização e terceirização da gestão escolar em Goiás.

Com reintegração negada na justiça, já são 14 escolas ocupadas em Goiás

Juiz afirma que alunos das escolas ocupadas “não merecem ser apenados com violência estatal por tal ato de desobediência civil que visa apenas o diálogo”.

Pablo Ortellado: Movimento dos secundaristas deve ser visto como desdobramento do espírito de junho de 2013

Em entrevista ao Portal Aprendiz, o professor de políticas públicas da USP, Pablo Ortellado, analisa a mobilização que barrou a reorganização escolar em SP.

Seminário internacional debate desafios da educação popular latinoamericana

Ação Educativa promove o “2º Seminário Internacional Educação Popular Hoje” para discutir educação popular na América Latina.

Entre a utopia e o fatalismo: qual futuro queremos para nossas cidades?

Jean Wyllys, Maria Rita Kehl, Paulo Lins, Ermínia Maricato e Nabil Bonduki debatem modelos alternativos de se ver e fazer a cidade.

Periferia reúne espaços de resistência e rebeldia frente ao modelo atual de cidades

Ao mesmo tempo em que é um espaço de opressão, segregação e negação de direitos, a periferia é também um lugar onde se formam novas identidades coletivas, produzindo conhecimento popular e gerando insurgência e rebeldia

David Harvey: “Nós estamos construindo cidades para investir, não para viver”

Na abertura do Seminário Cidades Rebeldes, o geógrafo britânico propõe uma reapropriação do sentido igualitarista do espaço urbano.

Educação popular em organizações comunitárias é tema de debate em SP

Debate “Experiências de Educação Popular em organizações comunitárias pela América Latina” trará convidados internacionais para compartilhar experiências.

Mulheres atingidas por barragens usam bordado para tecer suas histórias

Movimento social usa técnica das arpilleras, importante ferramenta de denúncia da ditadura militar chilena, para afirmar protagonismo feminino.