Criar na cidade

Cartilha estimula o plantio de jardins urbanos

Com a intenção de ajudar a perceber os elementos e fatores que são importantes para um cultivo doméstico – trazendo conceitos que são base da agricultura orgânica e que, ao longo da história, ajudaram a produzir alimentos de qualidade e evoluir o conhecimento humano – a Cartilha para Plantio de Pequenos Jardins Urbanos foi produzida para estimular os moradores de cidade (mais de 80% dos brasileiros) a manterem uma horta caseira.

“Na natureza não existe erro, apenas aprendizado”, relativiza o documento, disponível na internet e organizado pelo projeto Composta São Paulo, vinculado ao programa SP Recicla da Prefeitura de São Paulo. Em tempos de escassez de água, o Portal Aprendiz já discutiu sobre a necessidade de se criar espaços permeáveis nas cidades, onde a água possa voltar para o solo e completar seu ciclo natural.

A cartilha sugere diferentes maneiras de começar uma horta, abordando aspectos como tamanho, acesso, incidência de luz, água e vento, além de indicar os materiais necessários para a produção do espaço e os recipientes que podem ser usados, assim como as melhores maneiras de preparar o solo.

Também são dadas dicas de cultivo e possíveis espécies de hortaliças a serem cultivadas em casa, como manjericão, salsinha, cebolinha, coentro, tomilho e alecrim. Cuidados com a rega, poda, adubação, pragas e doenças também estão contempladas de uma maneira didática e ilustrada.

“Não se trata apenas de cultivar uma horta, mas sim de criar novos hábitos e formas de entender e se relacionar com a natureza, mesmo nas cidades”, aponta o documento.