Aprender na cidade

Seminário em Campinas discute pedagogias descolonizadoras para a infância

Entre os dias 26 e 27 de outubro deste ano, o grupo de estudo e pesquisa GEPEDISC – Linha Culturas Infantis realiza a segunda edição do Seminário Internacional sobre Infâncias e Pós-colonialismo: pesquisas em busca de pedagogias descolonizadoras.

Com inscrições gratuitas, o seminário visa reunir a produção de conhecimento sobre as mais diversas infâncias brasileiras e os diferentes processos e pedagogias descolonizadoras entre a educação infantil e os primeiros anos do ensino fundamental.

“Procuramos ressignificar antropofagicamente os saberes e criando novos arcabouços teóricos que visem a equidade social. Ao questionarmos e resistirmos aos dispositivos do modelo canônico científico europeu, tentamos não apenas negar ou estabelecer novas hierarquias com relação aos valores culturais e científicos da Europa ocidental, mas sim, o oposto, ou seja, trata-se de desconstruir valores hegemônicos, marcados pela herança patriarcal, androcêntrica e racista que submetem as crianças desde a mais tenra idade a um conjunto de sistemas que colonializa as diferenças étnico-raciais, sexuais e de gênero”, afirma a carta de apresentação do evento, que contará com a presença de pesquisadores e educadores nacionais e internacionais.

Acesse o site do Seminário Internacional sobre Infâncias e Pós-colonialismo: pesquisas em busca de pedagogias descolonizadoras. para conferir a programação completa, realizar sua inscrição e enviar seu trabalho científico para discussão no seminário.