Criar na cidade

Contagem regressiva: confira os destaques da Virada Sustentável 2015

Há dez dias de seu início, a Virada Sustentável, evento que reúne centenas de atividades gratuitas ligadas ao tema da sustentabilidade nas cidades, divulgou a sua programação oficial. Serão mais de 750 atividades que vão agitar a cidade de São Paulo entre os dias 26 e 30/8 – um grande aumento em relação à primeira edição do evento, em 2011, que teve 482 atrações.

As atividades acontecerão em locais inéditos, como no CEU (Centro Educacional Unificado) Três Rios, que recebe na quarta-feira (26/8) pintura do artista Mauro, do coletivo Imargem,  em uma de suas empenas cegas. No mesmo dia, acontece no Senac Jabaquara uma feira de troca de livros, a partir das 14h.

Virada Sustentável divulga a programação.

Atividades serão livres, gratuitas e contemplarão todas as idades.

Rafael Ianni

No dia seguinte, o projeto Meninos da Billings promove, a partir das 9h, a atividade Remada na Quebrada, que promoverá oficinas de cartografia e passeios náuticos pela represa, possibilitando inclusive o acesso à ilha de Bororé e sua cultura local. Enquanto isso, o coletivo BijaRi promove a atração Praças (Im)possíveis, no Centro Cultural São Paulo (CCSP), às 10h, quando serão construídos pequenas praças públicas sob a estrutura de bicicletas.

Na sexta-feira (29/8), o CCSP será palco para a estreia do segundo episódio do documentário Volume Vivo, que retrata a crise hídrica em São Paulo e seus impactos para a população, às 13h30. A partir das 20h, o espaço recebe o debate Inovações Urbanas e Desafios para o Futuro, que discutirá as tendências e mudanças que acontecerão a longo prazo nas cidades e contará com a participação de Carolina Balparda, representando a Cidade Educadora de Rosário, na Argentina.

Virada Sustentável divulga a programação.

Cinema está incluído na programação.

Rafael Ianni

A feira de troca de brinquedos acontece a partir das 10h de sábado (30/8), na Praça Victor Civita, com a pretensão de criar um momento de reflexão sobre o consumo e estimular o senso de comunidade. O CCSP recebe, às 11h, a atividade Arte Fora do Museu, que mapeará as esculturas e grafites do entorno do espaço, usando as imagens para um banco de dados e um roteiro dentro do site do projeto.

No último dia do evento (domingo, 30/8) haverá uma “super pedalada” na ciclovia da Avenida Paulista, a partir das 9h. Confira a programação completa da Virada Sustentável!