Aprender na cidade

Cidade educadora: seminário debate relação entre criança e o espaço urbano

Como as crianças se relacionam com o espaço público? De que maneira o olhar delas pode revelar potências escondidas e contribuir para a construção de uma cidade educadora? É possível criar formas de escuta e participação para os membros mais jovens da nossa sociedade? Essa serão algumas das perguntas que circundarão o seminário “A relação criança-cidade: uma via de mão dupla”, que acontecerá no dia 26/10, das 9h30 às 16h30, no Palácio Anchieta, em São Paulo.

Promovido pelo Laboratório de Educação, em parceria com a Escola do Parlamento da Câmara Municipal de São Paulo, o evento buscará “colocar luz sobre o fato de que as crianças, como os adultos, são uma categoria de usuários da cidade que têm necessidades, opiniões e contribuições a serem ouvidas e consideradas. Ao focarmos na perspectiva da criança e nas aprendizagens que se dão no espaço urbano, traremos novos insumos para pensar a cidade, seu planejamento e a intencionalidade das ações que podem contribuir à formação de seus cidadãos desde cedo”.

O evento terá dois debates principais. O primeiro, “A cidade ensina e a criança aprende: Exemplos de práticas dentro e fora da escola”, terá mediação de Nicole Paulet, do Laboratório de Educação, e contará com a presença da consultora educacional Cristina Pereira, do pediatra Daniel Becker e de Nayana Brettas, fundadora da CriaCidade.

Na parte da tarde, das 13h30 às 16h, uma mesa intitulada de “Modos de fazer e modos de usar: provocações para pensar a criança na cidade”, trará Beatriz Cardoso, do Laboratório de Educação, José Armênio Brito, presidente do Instituto dos Arquitetos do Brasil e um representante da SP Urbanismo, em debate mediado por Alexsandro Santos, da Escola do Parlamento.

As inscrições estarão abertas à partir de 16/10. Para saber mais e fazer sua inscrição, acesse a página do seminário “A relação criança-cidade: uma via de mão dupla”.
As inscrições para o evento abrem 16 de outubro.