Criar na cidade

Neste fim de semana, espaços públicos de São Paulo recebem diversas ações gratuitas

O próximo final de semana (14 e 15/11) será repleto de atividades ao ar livre em São Paulo. Crianças, famílias e comunidades estão convocadas para participar de ações gratuitas que, ao mesmo tempo em que ocupam os espaços públicos da capital paulista, convidam para a reflexão sobre a própria vida na metrópole.

Slowkids, Esparrama pela Janela, Minhoca na Cabeça e encerramento do Revivarte 2015 acontecem nos dias 14 e 15/11, , todas no espaço público.

Slowkids ocupa o Parque Villa Lobos

Shows, oficinas e atividades para a família estão garantidos na quinta edição do Slowkids, que propõe brincadeiras ligadas à natureza e à criatividade visando desacelerar as crianças do universo tecnológico. Acontece no sábado (14/11), das 10h às 18h, no Parque Villa-Lobos (Av. Prof. Fonseca Rodrigues, 2001 – Alto dos Pinheiros).

Contação de histórias, brincadeiras de rua, passeios pela natureza, jogos de tabuleiro interativos, reciclagem, rodas de leitura, troca de brinquedos e oficina para conhecer alimentos são algumas das ações que ocorrerão durante o evento, que contará ainda com um espaço sensorial para bebês de até três anos.

Slowkids, Esparrama pela Janela, Minhoca na Cabeça e encerramento do Revivarte 2015 acontecem nos dias 14 e 15/11, , todas no espaço público.

No Minhocão, temporada especial do Grupo Esparrama

Para comemorar dois anos de ocupação do Minhocão com espetáculos artísticos direcionados ao público infantil e família, o premiado Grupo Esparrama preparou uma temporada de aniversário e ampliou seu histórico de ocupação do Elevado Costa e Silva. A cada final de semana, serão apresentados dois espetáculos criados especialmente para esse espaço, reafirmando a apropriação e utilização dele como um local permanente de convívio com a arte.

Também acontece até domingo (15/11), em diversos espaços da cidade, o Emil – Encotro Mundial da Intervenção Literária, que pretende estimular o hábito de leitura em todas as idades. Mais informações aqui.

Agora que aos sábados o Minhocão também está fechado para os carros, a trupe aproveita para apresentar o espetáculo Esparrama na Janela às 16h30. Nele, um morador de um dos prédios que margeiam o elevado resolve transformar o caos que entra pela sua janela em música, criando um universo mágico protagonizado por personagens fantásticos.

Já aos domingos, também às 16h30, a peça Minhoca na Cabeça conta a história de uma menina que sai da cidade pequena para viver na metrópole e se decepciona com a falta de espaços para brincar. O único lugar em que cabe sua criatividade e energia é na sua própria cabeça.

Gratuitos, os espetáculos acontecem no trecho entre o metrô Santa Cecília e a rua da Consolação do elevado. Se chover, a peça é cancelada. Com exceção desse sábado, dia 14/11, a temporada prossegue até o final de semana de 12 e 13/12.

Slowkids, Esparrama pela Janela, Minhoca na Cabeça e encerramento do Revivarte 2015 acontecem nos dias 14 e 15/11, , todas no espaço público.

A volta de “O retrato mais que óbvio daquilo que não vemos”

O Coletivo Pi utiliza as ruas do Baixo Centro como palco para a nova edição do espetáculo “O retrato mais que óbvio daquilo que não vemos”, que em 2014 ocupou a região da Casa das Caldeiras. Saindo da SP Escola de Teatro (Rua Marquês de Itu, 273), a apresentação percorre as ruas do entorno com cenas e intervenções que dialogam com o espaço, demonstram figuras marcantes do centro de São Paulo, propondo reflexões sobre a cidade.

A peça discute a especulação imobiliária e o conceito de espetacularização da cidade. As apresentações acontecem até o dia 12/12, aos sábados (20h) e domingos (19h). Cada apresentação pode ser acompanhada por 40 pessoas – pede-se que chegue com vinte minutos de antecedência para retirar os ingressos. Haverá chapelaria para o público guardar os pertences.

Slowkids, Esparrama pela Janela, Minhoca na Cabeça e encerramento do Revivarte 2015 acontecem nos dias 14 e 15/11, , todas no espaço público.

Evento de encerramento do Revivarte 2015 na Comunidade Água Branca

Desde 2013, o projeto Revivarte revitaliza comunidades através da arte, contando com a parceria de diversos grafiteiros do país e criando galerias a céu aberto. Neste ano, foram pintados oito painéis no Conjunto Habitacional Água Branca, na zona oeste de São Paulo.

No próximo domingo (15/11), a partir das 10h, a comunidade recebe o evento de encerramento das atividades do Revivarte 2015. Diversas oficinas, grafites e música para todos os gostos com shows de rap, reggae e da escola de samba Rosas de Ouro. Também será lançado o Livreto Revivarte, publicação que conta a história das três edições do projeto.