Criar na cidade

Mostra reúne trabalhos artísticos de imigrantes que vivem na capital paulista

Falta exatamente um mês para o início do Fórum Social Mundial de Migrações (FSMM), que acontece de 7 a 10 de julho na cidade de São Paulo. Enquanto isso, a capital paulista já vai se aquecendo para o encontro.

A Mostra TAÍ (Território Artístico Imigrante) é um dos eventos que precede o Fórum. Em cartaz até o dia 2 de julho, o TAÍ pretende mostrar a diversidade cultural presente em São Paulo e, para tanto, reúne diferentes expressões artísticas de trabalhos de imigrantes que residem na capital, além de obras que têm a imigração como tema. Música, fotografia, cinema, artes plásticas, contração de histórias e intervenções artísticas estão no programa do evento.

Organizada pelos coletivos Visto Permanente e Coletivo Digital, a Mostra TAÍ tem entrada gratuita e projeta uma série de cine-debates paralelos à exposição, sempre às sextas-feiras de junho, às 19h.

Veja a programação de cine-debates da Mostra TAÍ, que acontece na sede do Coletivo Digital (Rua Cônego Eugênio Leite, 1117 – Pinheiros):

Dia 10/06 – Sexta-feira – 19h: Cine-debate
IMIGRAÇÃO EM SÃO PAULO
100% boliviano, mano (Luciano Onça e Alice Riff, Brasil, 2014)
Vidas Ausentes (Ronaldo Dimer, Brasil, 2015)
Galeria Presidente (CINCO, Brasil, 2015)

Dia 17/06 – Sexta-feira – 19h: Cine-debate
IMIGRAÇÃO E RACISMO
A Ponte (Irene Gutierrez e Youssef Drissi, Espanha, Marrocos, 2015)
Naufrágio (Morgan Knibbe, Holanda/Itália, 2014)
Cara Suja (Santiago Zannou, Espanha, 2004)
Aïssa (Clément Tréhin-Lalanne, França, 2014)

Dia 24/06 – Sexta-feira – 19h: Cine-debate
IMIGRAÇÃO E TRABALHO
Sexy Shopping (Antonio Benedetto e Adam Selo, Itália, 2014)
Dois na Fronteira (Tuna Kaptan e Felicitas Sonvilla,Turquia/Alemanha, 2013)
Circuito Interno (Julio Martí, Brasil, 2010)
Loin du 16eme (Daniela Thomas e Walter Salles, Brasil/França, 2006)
400 Malas (Fernanda Valadez, México, 2014)

Dia 02/07 – Sábado – 15h: Apresentações musicais
Quarteto Escape (Equador/Brasil)
Os Escolhidos (Angola/Congo)
Fareta Sidibé (Guiné-Conacri/Brasil)