Aprender na cidade

Seminário discute educação, migração e caminhos para uma Cidade Educadora

De que maneira as cidades, se organizando em territórios educativos, podem garantir os direitos das populações migrantes? Como a articulação de movimentos sociais, gestores públicos e coletivos podem enfrentar os desafios que surgem com fenômeno das migrações globais? Para discutir estas questões, acontece, em 14/9, das 9h às 18h00, no Museu da Imigração, o “Seminário Internacional Educação e Migração: caminhos para uma Cidade Educadora.”

Organizado pela Associação Cidade Escola Aprendiz, por meio de seu programa Cidades Educadoras, em parceria com a Editora Moderna e apoio do Museu da Imigração, o seminário marcará também o lançamento do terceiro volume da coleção Territórios Educativos, que sistematiza as ações do projeto Trilhas da Cidadania. Levado adiante pelo Aprendiz sob a perspectiva da Cidade Educadora, a iniciativa ofereceu ensino de Língua Portuguesa para imigrantes, solicitantes de refúgio e refugiados, se valendo das oportunidades educativas da cidade, seus espaços públicos e equipamentos culturais.

Na conferência de abertura, José Manuel Valenzuela, do Departamento de Estudos Culturais do Colégio da Fronteira Norte, no México, irá dissertar sobre o fenômeno global das migrações e a reinvenção das cidades. Após a abertura, haverá uma conversa de lançamento da publicação, com a presença de Adelaide Pereira, da Cáritas, Luciano Monteiro, da Editora Moderna e Natacha Costa, diretora da Associação Cidade Escola Aprendiz.

Na parte da tarde, o debate “A Cidade como Território Educativo”, mediado por Raiana Ribeiro, gestora do Programa Cidades Educadores, trará Cristina de Branco, da Visto Permanente, Giovanna Modé, da Campanha Latinoamericana pelo Direito à Educação, Sueli Ramos, da EMEI João Theodoro (que participa do Projeto Integração Família – Rede Socioeducativa) e Tatiana Waldman, do Museu da Imigração.

Depois, às 14h, o debate “Migração e Participação Social: a emergência de novos atores no espaço urbano” contará com a presença de Danny Anñezs, do Conselho Participativo do Jabaquara, Guilherme Otero, da Coordenação de Política para Migrantes da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania da Prefeitura de São Paulo, Jobana Moya, da Warmis e Veronica Yujra, da Si Yo Puedo.

Clique aqui para se inscrever no Seminário Internacional Educação e Migração: caminhos para uma Cidade Educadora.