Aprender na cidade

Concurso de contos convida jovens e crianças a escrever por um mundo melhor

Quais os sonhos dos jovens e crianças do Brasil, da Espanha e da América Latina? De que maneira eles enxergam a educação? O que desejam para o futuro? Como usar a imaginação e a criatividade para ajudar a construir um mundo melhor? Essas são algumas das perguntas que embasam o Concurso Internacional de Contos, promovido pela Fundação Mapfre, que até 15 de novembro está com inscrições abertas.

Sob o tema “Eduque seu Mundo”, o concurso convida os participantes a pensar em um mundo melhor através de uma história, que deverá ser contada a partir dos temas de prevenção de acidentes e segurança viária; solidariedade, inclusão social e educação; arte como forma de conhecimento; cultura de seguros ou a adoção de hábitos de vida saudáveis.

Aberto a estudantes dos ensinos Fundamental e Médio de escolas públicas e privadas, mas também de organizações não-governamentais e de espaços educativos, o concurso está na sua quarta edição, sendo realizado em parceria da Fundação Mapfre com a a Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, Ciência e Cultura (OEI) e irá receber contribuições de 19 países ao todo.

Como a seleção inicial será por voto online e as inscrições estão abertas desde abril, a Fundação avisa que quanto antes o texto for enviado, mais chances ele terá de ser selecionado. Na primeira etapa, serão eleitos, por voto popular, os 10 melhores contos em cada uma das categorias. Na segunda, os materiais com maiores pontuações serão escolhidos – ao todo serão 10 do Fundamental e do Médio selecionados por país. Em dezembro, um comitê único elegerá a melhor história de cada um dos países participantes.

Os/as vencedores/as das premiações poderão receber notebooks, tablets, câmeras digitais, bicicletas e materiais educativos. Os textos deverão ser inscritos por um adulto responsável (pai, mãe, educador ou professor), no site do Concurso Internacional de Contos.