Aprender na cidade

Série de vídeos explica a Pedagogia das Encruzilhadas

Em novembro de 2018, o educador Luiz Rufino concedeu uma entrevista ao Portal Aprendiz onde explanou a “Pedagogia das encruzilhadas“, uma alternativa imbricada nos saberes e viveres afro-brasileiros para se pensar a educação.

*Balaio: tipicamente indígena, o balaio é uma cesta feita a partir de um elaborado trançado. Pode ser costurada com vários materiais naturais.

“A Pedagogia das Encruzilhadas é um balaio* conceitual. Estes conceitos operam no campo do conhecimento, educação, ética e cultura, comunicando outras possibilidades de entendimento e problematização dos acontecimentos e do mundo”, explicou na ocasião.

Agora, o doutor em Educação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) lança em seu canal de YouTube uma série de vídeos sobre a proposta pedagógica. Em cada edição, Luiz abordará conceitos, inspirações e saberes sobre sua pesquisa de doutorado.

O primeiro dos vídeos investiga a encruzilhada como campo de possibilidades na invenção de outras formas de existir e praticar o conhecimento. Contrariando a lógica da escassez empregada pelo colonialismo, a encruzilhada é invocada como projeto para um mundo novo. Confira abaixo: