Aprender na cidade

Projeto Expresso Acesso oferece passeios gratuitos por pontos culturais de SP

O projeto Expresso Acesso é uma linha circular gratuita e acessível que viaja por uma variedade de museus, parques e centros culturais de São Paulo, ligando o Instituto Tomie Ohtake, em Pinheiros, até o bairro do Canindé. O projeto é uma iniciativa do próprio instituto, que possui diversos programas para aproximar equipamentos de culturais de territórios, e por consequência da cidade.

Leia +: Museu Social: curadoria comunitária e preocupação com o presente

Saindo quinzenalmente aos domingos, os ônibus partem tanto do Canindé para o Instituto Tomie Ohtake, quanto no sentido contrário. Também é possível pegá-los nos pontos  listados no itinerário.

Os lugares que a travessia cobre são a Feira Kantuta, o Parque da Juventude, a Biblioteca de São Paulo, Jardim da Luz, Pinacoteca de São Paulo e Pina Estação, Museu de Arte Sacra de São Paulo, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (MAC USP), Parque Ibirapuera, Museu Afro Brasil, Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM, Centro Cultural São Paulo (CCSP), Sesc Pinheiros e Instituto Tomie Ohtake. O embarque é prioritário para pessoas que morem no Canindé, e a entrada nos museus é gratuita.

Os dias de operação da linha são 25/08, 08/09, 22/09, 06/10, 20/10, 03/11, 17/11, 30/11 (excepcionalmente neste sábado), 01/12 e 15/12.

Confira informações sobre horários no site do Instituto Tomie Ohtake.