Criar na cidade

Digital e presencial, Virada Sustentável SP ocupa cidade recriando o futuro

Em seus dez anos de existência, a Virada Sustentável caracterizou-se como um evento de ocupação e ativação de espaços públicos das cidades brasileiras, defendendo a sustentabilidade para além da pauta socioambiental e congregando a ela sujeitos e territórios diversos.

Em 2020, frente à pandemia, o evento teve que transformar-se. “A Virada Sustentável continua tendo suas características, aliás mais do que nunca, de ocupação de espaço público”, explica André Palhano, idealizador do evento. “Só que de uma maneira não aglomerativa, essa é a grande diferença desse ano. Ela se converte em uma campanha de utilidade pública, com várias ações espalhadas pela cidade ao longo do mês.”

Usualmente com um misto de ações, shows e intervenções condensadas em uma semana, esta edição se espraia pela cidade ao longo de um mês, do dia 16 de setembro até 18 de outubro. 

“O tema central deste ano é o Refuturo. Se for possível recriá-lo, a partir dos desafios do presente, que futuro será esse? Essa proposta nos parece subitamente possível por conta do chacoalhação da pandemia. Todos queremos pensar como nos reorganizar como sociedade.”

Ocupações físicas, temas urgentes 

A Virada Sustentável é organizada em cinco frentes temáticas: meio ambiente e mudanças climáticas; consumo consciente e econômica circular; saúde e bem-estar; diversidade; e desigualdade social. Intervenções artísticas, grafites, projeções e outras ocupações se espalham pela cidade. 

“Vamos contando essas histórias, usando meios digitais que suportam as narrativas de maneira bem inteligente. Fizemos intervenções em escadarias de quatro estações de metrô, ações de coleta de lixo, ampliando a consciência e levando informação para uma parcela significativa da população, de maneira criativa”, complementa Palhano. 

Entre os convidados, estiveram a economista britânica Kate Raworth, criadora do conceito da “Economia Donut” e o arquiteto William McDonough, coautor do livro “Cradle to Cradle”  (Do Berço ao Berço), um dos pilares do conceito de Economia Circular.

Confira outros eventos e programação completa no site da Virada Sustentável 2020