Arquivo

Projeto mapeia os pianos espalhados por São Paulo

Piano da Estação Sé do Metrô (Fritz Dobbert)

Formada em jornalismo pela PUC – SP e em música pela Santa Marcelina, Alessa Camarinha decidiu unir suas duas vocações para criar um projeto inovador. O site Alessa, a Cidade e os Pianos busca responder a uma pergunta bem simples, cuja resposta está escondida em meio ao emaranhando de cores e sons da metrópole: onde estão os pianos?

Mapear os pianos de São Paulo não é tarefa fácil, mas com sensibilidade musical e faro jornalístico, Alessa está, pouco a pouco, conseguindo identificar os instrumentos espalhados pela cidade. A ideia é que no site, a cada quinze dias, um novo piano e um novo lugar sejam registrados.

Além da história de cada instrumento e de como ela chegou até ele, cada post contém um vídeo que registra a professora de canto sentada ao piano, tocando e cantando uma música que tem a ver com aquele lugar e situação. No site, Alessa conta que tem recebido inúmeras indicações de pianos feitas por leitores e pessoas dispostas a ajudar.

Até o momento ela já fez o registro de pianos na Estação Sé do Metrô, na Biblioteca da PUC – SP e, o mais inacreditável até agora, num salão de beleza. Atualmente, Alessa está buscando uma parceria para desenvolver um aplicativo que facilite ainda mais seu trabalho e sirva como uma ferramenta para que os paulistanos conheçam melhor seus pianos e sua cidade.

(Catraca Livre)