literatura

Diversidade e coletividade como formas de existir no mundo: uma conversa com a poeta quilombola Ana Mumbuca

A poeta quilombola Ana Mumbuca escreve sobre como coletividade e diversidade são estratégias de existência e produção de saberes no seu quilombo.

Frantz Fanon, pioneiro em estudos decoloniais, tem livro “Pele Negra, Máscaras Brancas” relançado no Brasil

Em reedição do livro, artista Grada Kilomba e sociólogo Deivison Nkosi falam sobre relevância e urgência do pensamento de Frantz Fanon para o Brasil.

Projeto de editoras brasileiras quer enegrecer o acervo literário de escolas

11 editoras lançam o projeto “Escola Antirracista: Construindo Comunidades Afirmativas” para diversificar catálogo de literatura da educação básica.

Mudar o nome da escola: um processo participativo de reescrita da História

Há quatro anos a EMEF Infante Dom Henrique tenta mudar o nome da escola para homenagear a escritora Carolina Maria de Jesus. É uma das muitas tentativas de reescrever e ressignificar a história dos espaços públicos da cidade a partir de outras perspectivas históricas e sociais.

FLINO (Festa Literária Noroeste) celebra literatura e cultura produzidas na região noroeste de SP

A FLINO fortalece literatura e cultura produzidas em territórios como Perus e Jaraguá, construídos com saberes afro-brasileiros, indígenas e de mulheres.

Livro gratuito reúne pesquisas e práticas antirracistas nas artes e educação

Livro para baixar em PDF compila práticas antirracistas e epistemologias afro-brasileiras e indígenas para pensar o ensino de artes e a educação no Brasil.

Seminário ‘A Escrevivência de Conceição Evaristo’ entrelaça obras da autora com temas como educação e história

Seminário aborda como conceito de Escrevivência, criado e praticado na literatura por Conceição Evaristo, se intersecciona com educação, arte e história.

Os zines que mudaram a vida dos presos LGBT+ do Ceará

Livro traz histórias de zines feitos nas cadeias brasileiras, como “Só Babado”, que aprisionados LGBT+ usaram para conquistar o direito de ter celas próprias.

Jovens de periferia criam rede social com obra da escritora Carolina Maria de Jesus

Jovens periféricos criam perfil da escritora Carolina Maria de Jesus na rede social Instagram, disponibilizando trechos de suas obras.

A importância de ler autoras e autores negros

Ler autores negros é conhecer a história brasileira por outra perspectiva. Veja por que a literatura contribui para uma educação antirracista.